Ah, Curitiba…

abril 17th, 2017 por Carla Queiroz Pereira

Não percorri todas as suas secretas e charmosas ruas

Mas saboreei a voz do seu silêncio – SP, quite, please

Quero rir de novo enquanto brincamos no Bosque Alemão, corremos no parque Barigui ou refletimos no alto do Tanguá

Cave Colinas de Pedra, quisera meu cerebelo ter sido um pouco tomado por ti (só um pouco)

Meus olhos estavam abertos para o Museu do Olho (MON), mas a pálpebra do olho do museu não me deixou vê-lo

Ah, Curitiba, quero você de novo! Agora, para ver a sua íris e deixar que seu olho penetre o meu…

E azul era a cor do teu céu nestes dias… Claro, afinal adoro ser surpreendida. Obrigada.