TRT-PR: atenção!

setembro 22nd, 2015 por Carla Queiroz Pereira

Como muitos sabem, também venho prestando alguns concursos dos Tribunais Regionais do Trabalho. Em função disso, e por trabalhar constantemente com ‘concurseiros’, não poderia deixar de fazer um alerta quanto à elaboração de algumas questões de interpretação.  No último concurso do TRT, ocorrido no RS, pelo menos uma questão de interpretação foi mal elaborada (para quem fez a prova tipo 4, tratava-se da questão de número 3); simplesmente a afirmação contida na alternativa tida como gabarito não podia ser depreendida da leitura do texto. Eu e todos os clientes com os quais trabalho diariamente “erramos” (perguntei a todos eles qual a alternativa marcaram nessa questão!). Sim, erramos entre aspas, afinal, neste caso, o erro foi da banca!

Confesso que tenho, nos últimos meses, estado bastante desconfiada quanto à integridade e à competência da banca FCC para elaborar questões da provas de português; ao invés de aumentar o nível da prova ou cobrar interpretação de fato (aspectos semânticos de um texto), a FCC tem elaborado questões que, na verdade, estão repletas de erros conceituais do ponto de vista do funcionamento da língua. E essa não é uma observação somente minha…

Sendo assim, candidato a concursos públicos, não deixe de fazer, daqui para frente, uma distinção entre o que você realmente não aprendeu ainda e o que você já aprendeu e a banca tenta mostrar que não! Ter esse discernimento é muito importante!

Ora, já que a banca precisa eliminar candidatos, caro leitor, há meios de se fazer isso; um bom profissional da área de linguística conseguiria elaborar questões mais complexas, inteligentes, que exigiriam um conhecimento mais aprofundado da matéria. Mas não é esse o caminho que a FCC tem tomado; ela, ao que tudo indica, elabora mal algumas questões, e propositadamente, deixando os candidatos à mercê da própria sorte. Sim, mera sorte…

Está aqui para quem quiser ver! http://www.concursosfcc.com.br/concursos/trt4r115/provas/Prova-AJ-Tipo-004.pdf

 

Tomara que no próximo concurso, do TRT-PR, a ser realizado em Curitiba, não tenhamos, eu e você, de contar com a sorte. Só precisaremos de sorte, naquele dia, para pegarmos um período de sol em algum daqueles parques na bela Curitiba! Sim, é possível conciliar provas com um breve tour!